Pandemia

A vida sem abraço
Cada um no seu pequeno quadrado
Seja em suas janelas
Com luzes a brilharem
Seja a luz azul da tv
A luz laranja por que a cortina tem está cor
A luz vermelha como o coração
Seja cada um no seu quadrado virtual
Cada um com sua roupa rosa azul verde , com sua caneta a escrever
Cada um procurando um jeito de sobreviver no seu quadrado
Sem um abraço sem um cafezinho sem o bolo da hora do intervalo
Sem o abraço de urso do sobrinho
Mas com uma fé imensa que nos move mesmo que em tempos difíceis na esperança que cada um saia do seu quadrado e voltem a dar o abraço pessoalmente, eu espero este dia ansiosa e não esqueçam do meu cafezinho…

  • SHARE: